Um homem foi levado à delegacia após ter sido flagrado por câmeras de segurança enquanto furtava uma caixa com dinheiro do ofertório do Convento dos Padres Passionistas, em Jequié, no sudoeste da Bahia. Segundo a Diocese da cidade, o crime ocorreu na manhã de terça-feira (1º), em um horário que o templo estava vazio.
Pelas imagens é possível ver o momento que o homem entra no convento, se ajoelha e faz o sinal da cruz diante do altar. Em seguida, ele se levanta, sai por uma porta e retorna ao local onde estava a caixa do ofertório.
O suspeito pega a caixa e vai embora com o dinheiro, que, segundo a Diocese de Jequié, era fruto de uma arrecadação feita entre os frequentadores, com doações para o templo. O valor que foi furtado não foi divulgado.
“O portão estava aberto. Ele chegou de moto, estacionou na porta da igreja e entrou. Ficou um tempo, pegou a caixa com o material e saiu”, disse Rodrigo Leal, secretário da Diocese.
Ainda segundo a administração do convento, o templo fica aberto diariamente para que as pessoas façam orações a qualquer hora do dia e nunca houve registro de violência ou crime desta natureza.
De acordo com a polícia local, o homem foi apresentado na delegacia 12 horas depois do crime. Como também não foi encontrado o material furtado, não foi feita a prisão em flagrante.
Segundo o delegado Moabe Macedo, que estava de plantão na unidade, o caso foi registrado e encaminhado à Delegacia de Furtos e Roubos de Jequié, onde será apurado.

Por G1/BA.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.